Teorias cretinas: Teoria do Gato Flutuante

Padrão

Cquote1.pngVocê quis dizer: Leidy MurphyCquote2.png
Google sobre Teoria do Gato Flutuante

Cquote1.pngVocê quis dizer: Gato OrbitalCquote2.png
Google sobre Teoria do Gato Flutuante

Cquote1.png …!!!… Cquote2.png
Einstein sobre Teoria do Gato Flutuante

Cquote1.png Pegue-o Forrest. Cquote2.png
Torcida para Forrest Gump sobre o gatinho sobre Teoria do Gato Flutuante

Cquote1.png Isto non eczi…ooopsssss…aaaaaaaaaaaiiii Cquote2.png
Padre Quevedo sobre Teoria do Gato Flutuante

Cquote1.png Esse gato é meu. Cquote2.png
Chuck Norris sobre Teoria do Gato Flutuante

Cquote1.png Filho da puta! Cquote2.png
Você, sobre o Nerd que passou em primeiro na FUVEST e formulou a teoria baseado em Murphy

Cquote1.png Eu não acredito. Cquote2.png
Joseph Climber (antes de perder a fala)

Cquote1.png Eu ac’edi’o. Cquote2.png
Joseph Climber Teoria do Gato Flutuante

Cquote1.png Eu também não Cquote2.png
Mamute Pequenino depois de ser empalado por uma lança ao pular com um pão amanteigado amarrado nas costas Teoria do Gato Flutuante

O Ínicio do Princípio

Tudo começou quando Chuck Norris deu um… err. Isso foi bem no ínicio mesmo, mas vamos ao que interessa. Todos nós conhecemos o famigerado negro e degradado o conceituado pesquisador Murphy. Segundo a Lei de Murphy, uma lei mais poderosa que a Lei da Gravidez (aquela que diz se você transa com uma puta mina virgem ela com certeza engravidará, mesmo que você use camisinha) se algo tem de dar errado dará:

Se alguma coisa pode dar errado, dará. E mais, dará errado da pior maneira, no pior momento e de modo que cause o maior dano possível. E se algo pode dar certo , tem grandes chances de dar errado.

E como você é um viadinho e corno vai dizer que essa lei se aplica a todos menos o Chuck Noiá por ele é etecetera e tal e blá blá blá. Mas voltando ao que interessa, o nerd filho da puta nosso amigo ultra super inteligente japonês (aquele maldito da frase: “Eu tava dormindo, daí minha mãe: Acoruda, acoda acoda, você ficou em primeilo, né!”). Formulou essa teoria para solucionar os problemas do mundo, ela é baseada em duas leis incontestáveis.

Teoria do Gato

Já dizia Murphy que toda vez que o pentelho filho da puta joga um gato para cima ele nunca caira de costas, sempre cairá com as 4 patas no chão. Não importa a altura, o desgraçado do gatinho sempre cai de pé, ou melhor de quatro.

Teoria da Bolacha

Segundo Murphy, sabemos também que toda vez que uma bolacha, ou pão, com manteiga de um lado cai no chão cairá com a parte da manteiga virada pro tapete.

O seu pão sempre cairá com o lado da manteiga virado para baixo.

Então temos aí duas grandes teorias que se unificadas podem resolver “A Equação do Sentido da Vida:

Teoria do Gato Flutuante [TGF]

Certo dia, um jovem nerd, resolveu passar manteiga nas costas do gato e jogá-lo para cima, para ver qual das duas leis acima era falsa. O que aconteceu? Pela primeira lei o gato não pode cair de costas; e realmente não caiu. Mas pela segunda lei, o lado da manteiga deveria cair no chão, mas não poderia porque eram as costas do gato. Nosso gatinho até hoje vaga orbitando a Terra, pois ele não pode nem descer aos chão com as quatro patas nem cair de costas.

As forças se anulam e o gato flutuará!

Texto: Desciclopédia

About mundoparticularlay

Sou um ser humano. Pelo menos, suponho ser. Talvez mais que uma máquina ridícula de idéias antiquadas e sonhos impossíveis, porém honestamente, é isso que sou, mas me contento em olhar pro futuro e pensar que minhas idéias não são tão estúpidas e que, com grande esforço meus sonhos poderão virar realidade. Posso ser de um tudo (indiferente, excêntrica, implícita, exagerada, intensa, instigante, irônica, sarcástica, anti-social, incoerente, chata, cínica, entediada e por vezes entediante). A dona do ócio improdutivo, praticante do sedentarismo, inoperante, procrastinadora ostensiva. Sou perfeccionista, desastrada, arrependida e azarada, desmemoriada e ciumenta embora, tranqüila, sincera, tímida, tola, ingênua, compassiva e entregue. Não sou perfeita e tenho sérios problemas com a perfeição posso ser várias e mesmo assim, continuar sendo uma só. Então é isso, posso ser incomum, mas convivo bem com as diferenças, só não espere que eu incorpore as “normalidades”...

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s